ED & LORRAINE WARREN: DEMONOLOGISTAS – GERALD BRITTLE

“Eu tinha 5 anos de idade, quando percebi, pela primeira vez, que alguma coisa fora do comum estava acontecendo neste mundo.”


SINOPSE

Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, a biografia definitiva dos mais famosos investigadores paranormais do nosso plano astral. Eles enfrentaram os mistérios mais sinistros dos últimos sessenta anos, sempre em busca da verdade. O casal foi retratado em filmes de grande sucesso, como Invocação do Mal, Annabelle e Horror em Amityville. Mas basta folhear as páginas de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas para constatar que, muitas vezes, a vida pode ser bem mais assustadora que o cinema. No livro, Gerald Brittle desvenda alguns dos principais casos reais vividos pelos Warren. Agora é a sua vez de entrar em contato com o sobrenatural. Ed e Lorraine permitiram ao autor acesso exclusivo aos seus arquivos sobrenaturais, que incluem relatos extraordinários de poltergeists, casas mal-assombradas e possessões demoníacas. O resultado é um livro rico em detalhes como nenhum outro.


Ed e Lorraine Warren: Demonologistas é um livro escrito em 1980, mas só agora em 2016, foi publicado no Brasil pela Darkside Books, são relatos de alguns casos famosos em que o casal esteve envolvido.

É um livro bem interessante para aqueles que se interessam pelo sobrenatural, acredito que até pessoas que não estão familiarizados com esse gênero possam gostar do livro.

Logo nas primeiras páginas do livro, o autor Gerald Brittle relata que Ed estava trabalhando em seu escritório, teve um encontro com uma figura negra se materializando no corredor de sua casa, por volta das três da madrugada (horário dito ser do demônio), não tem como não se arrepiar, essa primeira leitura já nos dá uma ideia do que esperar do livro.

Não, não é um livro de terror, nem é um livro que se esforça em assustar a nós leitores, o livro em si, é naturalmente arrepiante, e confesso que sendo meio impressionado, em algumas passagens, pelo menos pra mim, foi impossível não sentir a pele arrepiar e os pelos eriçarem, e à noite sozinho no escuro, a dificuldade em não pensar nas coisas lidas de dia, era quase impossível, não pelo fato do que foi dito, mas pelo que não foi dito, daquilo que se esconde, que fica oculto nas entrelinhas.

Dentre os casos citados, podemos destacar o de Amityville, que foi um dos primeiros casos em que o casal foi o foco da imprensa, o caso da boneca Annabelle, que no filme feito sobre o assunto foi muito mais assustador, digamos assim, que lendo no livro, o caso Bedford, que ao meu ver foi o caso mais impressionante, chegando ao caso das vozes de Enfield, o mais engraçado?

O autor ou o casal Warren tenta nos convencer a todo o momento sobre o sobrenatural, ou como eles chamam, o preternatural, em como não atrair o mal para si, explicam também, como identificar e a diferenciar um fantasma ou espirito humano de demônios ou espirito inumano, explicando também que antes da possessão de um espirito, existem dois estágios, o da infestação, e o da opressão, para por fim a possessão, tudo explicado de forma bastante clara, e que isso é mais comum do que se imagina.

“Os fenômenos estão lá, realmente estão! É por isso que ou você sabe ou não sabe que fenômenos espirituais existem. Se não sabe, vá investigar as descobertas por si mesmo, mas não me venha dizer que não acredita em espíritos. Porque eu vou provar a existência deles para você: na realidade, vou mostrar coisas neste mundo que você não acreditaria que pudessem acontecer!”

É um ótimo livro, e muito esclarecedor, mas acho que o livro perde força no final, à partir do caso Enfield em diante, a narrativa prolixa sobre o assunto em como não convidar um espirito, em como ser positivo, em como não brincar com o oculto, cansa, te faz querer logo terminar a leitura, o que não tira em nada o mérito do livro como um todo.

Claro, alguns casos são tao absurdos, que realmente fica difícil acreditar em certas coisas, mas acreditar ou não no que os Warren contam, vai de cada um e em seu esclarecimento da vida ou suas experiencias, mas Ed e Lorraine, são tão cativantes e tão humanos, que fica difícil não acreditar ou não se envolver, por isso fiquei surpreso ao final do livro saber que Ed faleceu em 2006 aos 79 anos, (não lembro se isso é falado nos filmes).

Uma ultima coisa, não posso terminar essa resenha sem falar do cuidado da Darkside, em todos os aspectos, na diagramação e capa do livro, como sempre impecável e se você procurar no site deles você encontrar um arquivo de voz de 5 minutos para ouvir da gravação que Ed fez na casa do caso Enfield, agora pergunto, como não amar essa editora?


Livro: Ed & Lorraine Warren: Demonologistas

Autor: Gerald Brittle

Editora: Darkside Books

Páginas: 272

Nota: 4/5


 

 

2 Comments

  1. Johany Medeiros

    13/04/2018 at 03:07

    Olha eu de novo!
    Ainda não li nada deles, depois que assisti aos filmes e morri de medo com os efeitos maravilhosos, não sei se consigo ler algo do gênero.
    Adorei a forma como tu pareceu tão de boas com isso, já posso te chamar de corajoso (?) hahaha
    Parabéns de novo, tu escreve muito bem.

    1. Lorde dos livros

      13/04/2018 at 23:24

      Olá novamente!!!
      Ah! lê sim, mas leia de dia tá? Em alguns momentos é inevitável alguns arrepios, fui ler um dia à noite, e não li nem uma página inteira, então não sei se isso é ser corajoso, rsrsrsrs!!!
      E obrigado novamente, tu é muito gentil.

Leave a Reply